quinta-feira, outubro 27, 2005

Desperate House Wives - e agora?

Pois é meus amigos, a questão que se coloca é a seguinte: o que fazer agora ao domingo à tarde, que não passear o cão ou pavonearem-se nos Centros Comerciais?


1- Ver, de igual modo, televisão, dirão alguns viventes. Aí está uma primeira hipótese válida, se e repito, se até desse alguma coisa de jeito na têbê... É que tirando a série supra-mencionada, só restam filmes dos seguintes géneros:

- Animais domésticos que falam;
- Animais domésticos que não falam, mas fazem acrobacias giras;
- Animais domésticos com nome de compositores de música clássica;
- Animais não domésticos, tais como cavalos, tartarugas ninja, Petit, etc...;
- Blockbusters manhosos sobre meteoritos ou tempestades tropicais ou vulcões ou duas destas calamidades ou mesmo as três juntas (e por que não?);
- Carochas de cores garridas nº 70 a "ratarem" ferraris e lamborghinis;
- Cantinflas, Le Gendarme num sítio qualquer e Com jeito vai...;
- Querida Encolhi os miúdos;
- Querida fui encolhido pelos miúdos;
- Querida, a água do banho estava gelada e o meu apêndice encolheu. (é caso para dizer que ela teve uma glande desilusão);
- Além destes belos filmes, há sempre a opção de ver basket, andebol, rugby ou ping-pong no canal ADois durante toda a tarde... Bom...

2- Fazer o amor desenfreadamente, dirão outros líricos. É outra hipótese válida. Só que para isso terão primeiro de ter namorada (o), conforme o vosso sexo e orientação sexual. A segunda premissa é, obviamente, a de possuir órgãos sexuais operantes e desejosos de brincadeirinhas aos médicos e enfermeiras. O terceiro e último imperativo é o de ter casa, vossa ou não, desprovida de "pessoas humanas" que possam atrapalhar um acto sexual que se quer recreativo, digno e capaz.

3- Tomar um bom banho. Para 70 % da população portuguesa, - % essa que não se interessa por ver séries de mulheres a desesperar - a receita milagrosa está aí: demolhar e embeber o vosso imundo corpo, de preferência com água potável, todos os domingos à tarde, acompanhado do uso diário de desodorizante. Está descoberta a solução para o cheiro a sovaco, para os chatos, sarna e comichões nos transportes públicos, hospitais, centros de saúde, repartições, escolas e afins. Não esquecer de cortar as unhas das mãos e pés, desobstruir os ouvidos de cera - já que deixámos de ter a unhaca do dedo mindinho para a remover - e assoar a penca ou, caso haja solidificação, colher manualmente os macacos do nariz...

4- Dormir, simplesmente dormir. Dormir até despontarem úlceras de decúbito.

e última hipótese: inspirando-me na sapiência do Dr. Palas, o que sabe realmente bem é sentar o rabinho no sofá, apoiar bem as costas, alçar bem uma perna, prendendo a fossa poplítea com uma mão e coçar, com a mão livre, a tomatada... Experimentem, não se acanhem. Sejam loucos.

terça-feira, outubro 25, 2005

Presidenciais

Crise de valores? Crise social? Crise económica/financeira?
Que fazer?
A resposta é bastante simples.. Saltar de eleição em eleição.
Elas até são baratas... Elas, as eleições. Porque as outras não são nada baratuchas.
Que o diga Cristiano Ronaldo!!!

E como já avançamos para as presidenciais, agora que já apareceram todos os candidatos, vamos lá ver com que nos deparamos.

Temos os 5 principais: Cavaco, Soares, Alegre, Jerónimo de Sousa e Francisco Louçã.
Isso se não aparecer a família Pereira, pela mão de Garcia e Carmelinda Pereira.

Todos eles já contribuíram de alguma forma para a democracia portuguesa. Falta é saber se isso é bom..
De qualquer forma é bom ver este agrupamento de candidatos. Ex-primeiros ministros, ex-presidentes da república, ex-militantes socialistas, ex-operários metalúrgicos e ex-manifestantes de rua. Qual deles o mais importante?

A ver..

Cavaco - Defensor das tradições e costumes portugueses. Ninguém defende a doçaria, mais propriamente o Bolo Rei, mais sofregamente do que ele.

Soares - Um visionário. Anteviu os problemas do défice português e tentou evitar esse problema com o tráfego de diamantes de Angola.

Alegre - Realça o que o povo português tem de bom. Como muitos portugueses é só letra. Vê-se pelas notas nos exames nacionais de Filosofia. Fazer... tá quietinho. Faz jus à comunidade bitaites.

Sousa - O nosso Travolta. Ninguém consegue escamotear o bailado nas presidenciais de há dez anos atrás. O primeiro a chamar a atenção para a importância do ballet da Gulbenkian. (In)felizmente não foi suficiente.

Louçã - Primeiro defensor da liberalização das drogas em Portugal. Bate-se por isso desde os seus 6 anos. Desde a sua primeira OD (orientação demagógica, claro está). Mérito também por fazer outras pessoas acreditar na política. Falta saber se limpas pensarão o mesmo.

Por isso aqui fica dado o tiro de partida. Ficam marcados novos comentários à medida dos acontecimentos. Até breve..

P.S. Que fique bem claro que o AXistomuitoestranho não seguirá o exemplo dos jornais norte-americanos, e será totalmente isento nestas eleições. Qualquer post a gozar com Louçã será puramente por bom gosto e sanidade mental. Nada de politiquices..

sexta-feira, outubro 21, 2005

Ladrão pede desculpa por furto...

Li algures, num jornaleco qualquer, num passado não muito distante, que no Porto um ladrão pediu desculpa por um furto que perpetrou. Não é que o facínora, uns dias depois, deixou, na caixa de correio de um escritório do Porto, um pedido de desculpas, justificando a "asneira" com a crise?

Qualquer dia, vem um autarca pedir desculpa pelas rotundas idiotas e disparatadas ou pelo saco azul. Onde é que isto já se viu?

Ou então, vem o João Cordeiro da ANF (Associação Nacional de Farmácias) pedir desculpa pelas margens de lucros ofensivas dos seus associados, à custa de um lobby que impede a livre concorrência naquele sector. Até a barraca abana!

Ou o Bruno Paixão pedir desculpa pela arbitragem em Campo Maior que há uns anos atrás tirou o título ao FCP... Mai nada!

De volta à história: O material roubado pelo larápio resumiu-se a um cofre portátil que só continha dez euros e papelada.

Apenas mais um aparte: Ai que vais levar tau-tau no rabiosque pela asneira que fizeste, seu ladrão mauzão! Menino mau! Toma! - esta foi a observação de Malato e Tó Romero, afinados e em uníssono, ao Axistomuitoestranho, quando convidados a comentar este caso sui generis.

De volta à história: Devolvendo os documentos num envelope, juntou um bilhete em que pedia "desculpa por estragar o canhão da porta" e, aludindo à pequena quantia, rematava "Vocês tiveram sorte e eu azar". Bem, para ser um assalto politicamente correcto, só faltou deixar a quantia necessária para reparar a porta, já que a vida não está fácil e sabe Deus quantos empregos não terão ficado em risco depois de tamanha delapidação do património da empresa. É certo que o bandido sairia a perder, porém a moral ficaria reposta.

Como reflexão final, não será de respeitar mais este ladrão, que muitos pseudo-políticos benfeitores que "andem" aí?

segunda-feira, outubro 17, 2005

Última Hora: Gripe das Aves chegou a Portugal!

O Axistomuitoestranho sabe de fonte segura que a gripe das Aves já está em Portugal. Não se confirma a mutação do vírus que permite a propagação deste entre humanóides, porém, estamos em condição de afirmar que o vírus já infectou outras espécies.

Sábado, o vírus atacou um Dragão indefeso. Uma ave de rapina, mormente, uma águia moribunda - há mesmo quem já tivesse jurado que estava morta desde 25 de Abril de 1974 - transportando o vírus mortal H25 O2 CO2 XPTO Motherfucker piss off a defesa do Porto é uma merda, acossou e hostilizou milhares de dragões, suspeitando-se que o principal contaminador terá sido essa águia abixanada, nome de guerra, Nuno Gomes. Através de duas investidas por trás, terá infectado, só ela, bastantes dragões, que se julgavam já há muito imunizados.

Pelo bem da humanidade, esperamos que o vírus não mantenha tal virulência durante todo o campeonato. Pensa-se que lagartos, também debilitados, tenham já sido atingidos por esta maleita. De qualquer modo, ainda é cedo para panicar.

Espero, na pessoa do Cámuolas, que os dragões se agigantem e eliminem rapidamente a ameaça de um novo ataque terrorista à base de químicos perigosos, pela altura de Maio. Aliás, penso que ninguém quer ver, outra vez, o Luís Filipe Vieira a publicitar o Kit Sócio Benfica 300000 sócios. Volta Mourinho, estás perdoado! Eu deixo-te comer a gaija do líder do SD quantas vezes tu quiseres e nao tem que ser às escondidas...

sábado, outubro 15, 2005

Por que é que a plebe vota nos caciques?

1º: A cacique Felgueiras é chique. Veio do Brasil bem cuidada e penteada. E meus amigos, quem não votava numa brasileira de tal craveira para uma Câmara? Eu votava, mas é se fosse para um lugar numa Câmara de Gás.

2º: O cacique Valentim gosta de usar o cacete (o Frota também...). É o típico broeiro polido que resolve tudo à lei do berro e do estalo (mas em Portugal não é assim que tudo se resolve?). Por dentro bronco, por fora Presidente da Liga Bet and Win, Metro do Porto e autarca terráqueo há mais 70 anos. Quando se enerva ou quando o irritam, o verniz estala. Todavia, quem não estima e, por arrasto ou arrastado, vota numa pessoa humana que diz foda-se para esta merda, passa-me, mas é o caralho do microfone que eu quero vociferar para os gondomarenses e gondomarensas? Votam e com gosto.

3º: O pseudo-cacique Isaltino é também chique. Concorreu numa terra distinta - Óéirias - e dispõe, igualmente, um penteado moderno e negligé. Antevejo, com a evolução penteal, que a faixa etária 10-16 anos, quando chegar à maior-idade, votará num presidente da República com um toucado, variante Morangos com Açúcar. Qualquer um dos D´ZRT é um presumível triunfador... A populaça chique do subúrbio votou nele, porque é suspeito de crimes de colarinho branco. Se a gola fosse roxa, era linchado...

4º: O cacique Torres passa chiques, perdão, cheques carecas. É o chamado criminoso de manga arregaçada, se não consegue ultrapassar passa por cima. O povo gosta de gente que atraiçoa, engana, rouba, bate, viola, mata ou "induz" suicídios. Faz parte da nossa natureza. Um português que se preze, gosta é das histórias mais sórdidas e, principalmente, gosta de ser o mais desgraçado de todos. Se outrem praticar o mal e "safar-se como gente grande", vota-se no fulano. Se ele é esperto para escapar impune à justiça, imagine-se a inteligência com que capitaneará uma câmara. Perdeu, somente e mormente, por não ter concorrido à Autarquia de Marco de Canavezes, esse concelho de alto valor arquitectural e cultural. Em Marco de Canavezes, tu podes ser feliz todos os meses... Rimou! Malucos do Riso!

terça-feira, outubro 11, 2005

Ocorrências..

Antes de mais quero pedir desculpa em nome do AXistomuitoestranho pelo último post do Cámuolas. Tentem compreender.. o miúdo não andava bem, até porque hoje é o seu triste dia de aniversário. Esperemos que recupere e não volte a cometer erros dest... Mas já que tem que ser, aqui fica:

Parabéns e cura-te rápido!!

E chegando ao que rapidamente interessa, ao post propriamente dito, convém referir que já me sinto outra vez à vontade para colocar umas coisitas por aqui. Já acabaram as autárquicas, já não tenho que apanhar com comentários, candidaturas, bandidos e, pior do que isso, filósofos armados em garanhões e quiçá políticos. Uma coisa e uma só tem que ser dita do excelente e bom perdedor de Lisboa. Ninguém tem aquela capacidade de demonstrar um olhar tão interessado ao franzir os olhos. Mas atentem.. não é o franzir de olhos dos que vêm mal.. é franzi-los mas mantendo-os bem abertos. Dessa forma a parte debaixo fica sempre a latejar, olhos franzidos, bastando apenas um abanar de cabeça para ganharmos um prémio Nobel. Para eleições não dá, mas para tudo o resto é infalível. Que o diga a Bárbara...

E de eleições me fico por ora..

De actualidades temos o quê... um furacão que como o próprio nome indica - vince - está mais extinto que o Lince da serra da Malcata, a selecção em boa forma e os arrufos de um seleccionador que é muito homem (a mão no rabo do Cristiano Ronaldo bem o comprova como vem na capa do belo 24 horas), o Soares a desrespeitar a lei, ou seja nada de novo ou querem-me convencer que a estória dos diamantes de Angola não passou de um simples boato (qualquer dia dizem que o PS quer monopolizar todas as estruturas de poder do País), e para finalizar, o grande Sporting em crise. Qualquer semelhança com o passado será pura invenção, ou não tivesse o antigo presidente do Sporting - José Roquete - dado todo o apoio a esta direcção. Mas que estranho, não é?...

E assim andamos..

Só para finalizar, se isto fosse um País do 3.º mundo quase que diria que o major valentão anda mesmo com vontade de formar uma ditadura castrista com estilo de Hugo Chávez neste País. Mas isso era só se fossemos um País do 3.º mundo.....

segunda-feira, outubro 10, 2005

Pensamento dia 2: a sequela do 1º

Se a versão feminina de actor é actriz, porque que é que uma mulher que canta não se denomina cantriz? (A partir deste momento, o meu ponto de vista neste post tornou-se surdo, cego e mudo, não aceitando, portanto, exemplos que refutem a minha teoria. Não os há! Todos os exemplos que dei e darei são os indispensáveis e exclusivos para comprovar a minha teoria e mai nada. Por exemplo, não se diz embaixatriz? Lá está! Este é um entre muitos outros.

Há quem diga, ao ver passar um belo espécime do sexo feminino, ah e tal, aquela senhora é encantadora.

Pelo meu dicionário, onde se lê encantadora, deverá ler-se encantatriz. É bonito. Assim, 1 trolha no intervalo de umas obras, empoleirado num andaime, até poderia comentar para o engenheiro a modos que gay da obra, o seguinte:

(Trolha mais ou menos intelectual) - Tchi, que gaija boa!
(Engenheiro que gosta de brincar às bonecas às escondidas) - Pois, realmente ela é encantatriz!
(Trolha mais intelectual) - Boa, mas boa. Na cama deve ser uma meretriz...
(Engenheiro que come ao pequeno-almoço um prato de queijo e fiambre de faca e garfo) - Tu és tão bruto para as mulheres. Um dia, quem sabe, não será uma mulher tua patroa...

P.S.: Não sei se repararam, mas rimou... É a ver se me dão algum crédito.

Mais rimas? Sim!

- Truz, truz, truz
- Quem é?
- É o preto da Guiné.

- Triz, triz, triz
- Quem é?
- É a sua meretriz.

Para terminar, pensem nisto. Se triz, está associado ao género feminino, quando um homem disser - Eh pá, foi por um triz! -, quererá dizer que fez asneirada por causa de uma mulher? Profundo.

P.S.2: Não é por nada, mas com poustes destes, o Axistomuitoestranho vai à vida... Eu não responsável pelo que escrevo... As supostas piadas e as rimas foram escritas aquando de um delírio mental ocasionado pelo meu problema com as drogas, que se mantém, desde que andei a comer a Kate Moss no Verão passado, aquando da minha ida ao Mónaco. É a última vez que me envolvo com uma super-modelo. Estou farto de aturar as suas manias e extravagâncias...

P.S.3: Peço desculpa por tudo o que escrevi desde 21 de Fevereiro e, principalmente disto. De qualquer modo, devo referir que ninguém é obrigado a ler esta merda. Têm sempre o blog do Pacheco Pereira e do Rui Estevão.